barco-ser-designerSeja iniciante, técnico ou autodidata, Ser Designer necessita uma mistura de vontade, paixão, criatividade e bastante paciência para lidar com os obstáculos do aprendizado e da prática da profissão. Encontrar sua vocação dentro da área e conquistar o seu espaço no mercado requer habilidades extracurriculares, que só a bagagem pode proporcionar. 

Sabemos que existem grandes ameaças no exercício da profissão, como: a falta de leis mais concretas que tornem a profissão reconhecida, a desigualdade competitiva praticada por profissionais de níveis diversos de experiência e a carência de esclarecimento sobre a importância da profissão para o próprio designer em formação

Por isso, quem escolhe ser designer precisa de orientação além dos conhecimentos técnicos e teóricos, afinal, o diploma por si só não paga salário e em dias atuais, o desenvolvimento pessoal e profissional são as competências mais requisitadas em processos seletivos. 

Assim, o projeto Ser Designer oferece, em formato de e-book, orientação em carreira com foco no marketing como meio estratégico, para que o profissional saiba como se posicionar muito além do conhecimento técnico e da capacidade produtiva, de um jeito simples e totalmente acessível.

O site aborda o desenvolvimento pessoal e profissional em conteúdos de diversos formatos, com foco no apoio e orientação comportamental para ajudar o designer iniciante (em formação ou não) a se destacar em qualquer âmbito, seja em uma carreira empresarial ou na carreira empreendedora, como freelancer.

Quem faz a Ser Designer?

glau-viana-founder-ser-designer2

Me chamo Glau Viana, sou formada em Design Gráfico pela Universidade UNA (Minas Gerais) em 2013, mas também sou muitas outras coisas desde 2011:

• Coolhunter;
• Professional Branding;
• Estrategista em Marketing Digital;

• Analista de Comportamento de Consumo do Usuário.

Trabalho com design antes mesmo de iniciar minha formação acadêmica e sempre me identifiquei com o trabalho de poder orientar outras pessoas em sua formação profissional.

Hoje, sou líder e especialista em Marketing de Conteúdo e Funil de vendas. Conquistei essa posição seguindo muitas das orientações que eu ofereço nesse material, um dos motivos que me fez criar esse conteúdo foi a percepção da falha de desenvolvimento do designer em outras áreas.

Com minha atuação profissional no marketing digital acumulei conhecimentos que impulsionaram meus trabalhos como designer e agora quero oferecer esse conhecimento para ajudar você na sua formação.


Quando comecei minha graduação em design gráfico eu tinha apenas uma ideia do que poderia ser o curso de acordo com a grade curricular da faculdade. Eu só consegui compreender a importância do que fazia quando comecei a receber os feedbacks dos meus primeiros clientes como freelancer.

É completamente natural não termos clareza da profissão e da sua abrangência, mesmo depois de concluir o curso, até porque o Design é uma área extremamente diversificada e, atrelado ao marketing, o profissional precisa se atualizar constantemente.

Assim, respeitadas as devidas proporções, essas incertezas acontecem também com quem está na área de maneira autônoma.

O ponto em comum, esteja você em uma agência ou trampando por conta própria, é a falta de orientação para entrar no mercado: como conseguir clientes, como criar network, como cobrar pelo seu trabalho e como vender seu peixe com ética!

As oportunidades estão presentes nas dúvidas e incertezas.

Foi essa situação que enfrentei quando concluí o curso e me deparei com uma realidade que não foi apresentada durante a graduação.

Existem alguns mitos na forma como o designer é inserido no mercado e isso nos leva a acreditar (ou desacreditar) em relações profissionais que se valorizam e se beneficiam.

Hoje, trabalhando com foco em marketing digital e responsável por integrar novos colaboradores às tarefas cotidianas na empresa, percebo a dificuldade que os iniciantes em design têm em compreender sua importância nos negócios, conquistar seu posicionamento no mercado e se destacar durante o processo seletivo.

Por causa dessa crise na carreira do designer iniciante, tudo que aprendi, a bagagem cultural e conceitual que conquistei e a experiência de estar à frente de treinamentos internos, me fizeram trazer este projeto ao acesso de muitos outros profissionais ou autônomos que tenham interesse em aprender e exercer a carreira para conquistar realização pessoal e profissional.

Por que esse material é diferente dos outros?

icone-porque-esse-ebook-ser-designer

Montar uma carreira  em design não é somente se formar, sair distribuindo currículo e esperar a vaga dos sonhos aparecer ou, ainda, achar que vai abrir um estúdio de design logo depois de concluir o curso… 

Cerca de 80% dos estudantes que se formam em design acabam não exercendo a profissão, muitas vezes porque não se preparam enquanto formandos. Nadam, nadam e morrem na praia.

Outras vezes, o essencial para ser designer, a faculdade não ensina. O sistema de ensino da graduação é válido e necessário, mas não aprendemos os pilares fundamentais para o sucesso da carreira na faculdade.

O segredo é que esse sucesso não depende diretamente dos produtos que desenvolvemos ou da oferta de serviço que oferecemos, é algo relacionado à forma como lidamos com os relacionamentos e nossas habilidades extracurriculares aplicadas ao mercado. 

No meio de tantos profissionais, como eu posso me destacar e conseguir aquela vaga sensacional ou conquistar aquele cliente importante?

A questão não é só ser um bom designer, é como ser um bom profissional e mostrar isso para um mercado que pede mais!


O que eu quero oferecer

icone-designer-iniciante-ser-designer

Ensinar designers iniciantes a ter comportamento profissional e saber buscar relações de negócios para se promover, conquistar seu espaço e ser reconhecido pela sua habilidade além do conhecimento técnico e operacional.

Vamos juntos! 

Ser a primeira empresa do Brasil que contribui com a capacitação exclusivamente do designer iniciante, criando vínculos com universidades e outros espaços de aprendizado para integrar as habilidades técnico-teórico ao desenvolvimento pessoal do profissional.

Essência da Ser Designer

Para explorar outros mares é preciso navegar dentro de si mesmo⛵

Pessoalidade: processo de ensino focado em pessoas e comportamento;

Içar Velas: desenvolver a capacidade analítica para obter alternativas criativas;

Ir contra a maré: estar sempre em busca de conhecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.